Alanis Morissette em Recife



Eu resolvi ir ao show da Alanis bem em cima da hora. Avisei ao meu noivo que a gente ia quando já tinha comprado os ingressos, para ele não dá para trás. Não sou fã da cantora, admiro a música dela, mas elas nunca tiveram na minha playlist até esse novo cd, “Havoc and and Bright Light.” Adorei cada música dele e decidir ir ouvi-lo ao vivo. Mas todo meu conhecimento anterior da cantora foi derivado a um professor do curso de inglês que adorava ela e acabava sempre tínhamos atividades envolvendo suas músicas, foi assim que acabei decorando várias das antigas. Mas vamos ao show...
Nessa quarta-feira (12), Alanis aterrissou em Pernambuco pela segunda vez com a turnê “The Guardian Angel Tour”. A primeira vez foi em 2009. Como aqui em Recife não estamos acostumados a ter apresentações desse calibre durante a semana, o Chevrolet Hall não lotou. E era possível comprar os ingressos bem mais barato na frente da casa. A gente (eu e Ricardo) chegou às 21h. Tudo tava marcado para as 21h30.
O show começou com quase uma hora de atraso e durou cerca de uma hora e meia. Alanis começou sua apresentação cantando no backstage. Depois entrou no palco para interpretar a agitada “Woman Down”.  Com algumas músicas seguidas do “Havoc...”, ela tocou Guardian, minha favorita do cd, onde fala um pouco da sensação de ser mãe.  
Depois de apresentar essa fase mais sóbria de sua vida, Morissette embarcou nos seus hits dos anos 90 e mostrou porque é uma das cantoras com mais força até hoje. A voz dela é EXATAMENTE igual a do cd. Músicas como “Ironic”, "Head Over Feet", "You Oughta Know" e "Hands Clean” foram cantadas em coro pelo público presente e por mim. rsrs
Fazendo duas gracinhas de que ia embora, Alanis voltou para cantar Uninvited, com direito a “bate cabelonnn”. Depois de uma participação do marido, o rapper MC Souleye, Alanis finalizou o segundo bis com um dos seus maiores sucessos, "Thank You", uma saudação a todos os fãs presentes.
Sem sombra de dúvidas, um show que vai ficar marcado. Alanis Morissette é uma artista completa. Ela não para no palco, vai de um lado para o outro, toca guitarra e violão, interage com o público, ao mesmo tempo em algumas canções parece que canta para si mesma, o que muito bom de vê. Não é a toa que um ícone até hoje.  Fiquei muito feliz de ter ido e ter presenciado esse momento. Recife precisa de mais shows assim.
Confira  a setlist abaixo:

1 I Remain – Segue 1
2 Woman Down
3 All I Really Want
4 You Learn
5 Guardian
6 Everything
7 Right Through You
8 Hands Clean
9 So Pure
10 Celebrity
11 Ironic
12 Havoc
13 Head Over Feet
14 I Remain – Segue 3
15 Lens
16 You Oughta Know
17 Numb
18 Hand In My Pocket
19 Uninvited
20 Jekyll And Hyde (Com Mario Souleye)
21 Thank U







Fotos: Emanuella Casado

8 comentários:

Iza disse... Responder comentário

Adoro a Alanis, e confesso que não sabia que ela viria ao Brasil. O show deve ter sido muito bom, né? Ela é maravilhosa. Beijos <3

vintageiz.blogspot.com

Camisetas Personalizadas disse... Responder comentário

Nossa Que show! Alanis é maravilhosa!

leitura hot disse... Responder comentário

Muito legal a Alana! Não sabia que ela viria ao Brasil...pena não ser na minha cidade....
Amei o seu blog flor!
Beijos
Amanda
leiturahot.blogspot.com

Paloma Viricio:: Jornalismo na Alma:: disse... Responder comentário

Curto algumas músicas dela...mas nem todos! Os fãs devem ter se acabado,né?^^ Muto legal.
Beijos!
Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

Emanuella Casado disse... Responder comentário

@Paloma Viricio:: Jornalismo na Alma:: para quem é fã realmente foi demais. eu não sou super fã, mas foi muito bom para mim tbm :) bj :*

Ana Luísa Andrade disse... Responder comentário

Devo admitir que a única música que eu conheço dela é You Oughta Know, que faz parte da OST da minha vida, hahahahaha. Não é meu estilo de música. Mas ela é uma linda que parece ser muito simpática e gentil e eu fico realmente feliz que você tenha se divertido! <333
Beijos.
Amor, Ana.

http://quemprecisaviver.blogspot.com.br/

Preto no Branco disse... Responder comentário

Não curto música internacional Manu, rs, mas espero que seja maravilhoso haha.

Lorena Rocco disse... Responder comentário

Geeeeeente, faz tempo que não escuto Alanis. Dei uma enjoada.

Na verdade, nem sabia que ela estava no Brasil. Vou voltar a escutar alguma coisa.. adoro Ironic.

Beijo!
http://milalices.blogspot.com.br/2012/09/o-hobbit-desolacao-de-smaug.html :)

Postar um comentário