007 - Operação Skyfall (2012)

O novo filme do agente secreto mais famoso do mundo cinematográfico chegou com dois anos de atraso. Mas 007 – Operação Skyfall, que acabou de ser lançado, chega no ano em que a saga comemora meio século de existência.
Desde 007 Contra o Satânico Dr. No, primeiro filme da franquia, foram produzidos 23 longas contanto as aventuras de James Bond.

Em Skyfall, que para começo de conversa é o nome da “fazenda” onde Bond (Daniel Craig) morou com os pais antes dele morrerem, o agente secreto  é baleado em um das suas missões e é considerado como morto. E assim fica durante um tempo, escondido em uma praia paradisíaca e fazendo amor com uma nativa. Mas depois de vê que a sede da MI6 foi atacada por terroristas, James resolve voltar a Inglaterra para combater um mal que só ele pode deter.
Esse mal é o ex-agente Silva, interpretado perfeitamente pelo espanhol Javier Bardem.  Ele acredita que foi traído por M (Judi Dench), e vai atrás dela em busca de justiça.

Cheio de lutas em perigos altos, cassinos no meio de Xangai, que ao invés de ter cães de guarda, tem dragões de komodo na entrada. Assim como é de praxe, esse filme de 007 não foge do obvio que é o impossível. Não vá ao cinema querendo vê a realidade, vá para se diverti e tente não racionalizar muito com a pergunta “como é que ele saí das enrascadas que se mete?”. Afinal ele é Bond, James Bond.

Sob a direção de Sam Mendes (“Beleza Americana”) ,Daniel Craig brilha pela terceira  vez incorporando o agente , um pouquinho mais velho e enferrujado, mas agrada e faz uma boa performance. Mas a cena é tomada pelos cabelos descoloridos de Bardem e seu papel de vilão afetado.

O novo filme do 007 já está sendo planejado pelo estúdio, agora é só torcer para que não demore tanto como esse né? Foram quatro anos de espera desde Quantum Solace.

Nota: 7
Título Original: Skyfall
Direção: Sam Mendes
Roteiro: Neal Purvis, Robert Wade, John Logan
Elenco: Daniel Craig, Javier Bardem, Judi Dench, Bérénice Marlohe, Ralph Fiennes, Ben Whishaw, Naomie Harris, Helen McCrory, Albert Finney, Ola Rapace.



3 comentários:

Carissa Vieira disse... Responder comentário

Não curto o Craig como Bond, apesar de achá-lo um bom ator (acho que me acostumei demais com os outros), mas um filme com a direção do Sam Mendes e com o Barden, eu preciso ver.

beijos,


Carissa
http://artearoundtheworld.blogspot.com

Ane Reis disse... Responder comentário

Oie Emanuella =)

Isso que acha bacana em 007. Ele é o tipo de história que sempre se renova. Desde que me conheço por gente assisto aos filmes do 007.

Eu ainda preferia o Pierce Bronsnan como Bond, mas o Craig até que ficou bem no papel tb rs...

bjus;***

anereis.
mydearlibrary | bookreviews • music • culture
@mydearlibrary

Diego Andrade disse... Responder comentário

Estou na maior pilha para assistir, ainda mais com o Bardem no filme! =D
Boa resenha Manuh :*

Postar um comentário