Filme: O Espetacular Homem-Aranha


Quando recebi o convite para assistir “O Espetacular Homem-Aranha” ontem, eu já tinha visto algumas breves críticas de jornalistas que tinham ido para uma cabine (exibição do filme só para imprensa) mais cedo que a minha. Os comentários não eram bons. Então, minhas expectativas estavam lá em baixo até segundos de começarem os créditos iniciais. Mas quando vi  o selo da Marvel aparecendo na telona, pensei: “Sabe de uma coisa? Vou tirar tudo que sei sobre o Spider-Man da cabeça e vou apenas curtir o filme.” E foi o que eu fiz... E sabe do que mais, ADOREI cada segundinho.
Uma coisa é necessária explicar antes de embarcamos na avalanche de spoiler (rsrs).  A má visão que as pessoas têm do filme é pelo simples fato de que não gostamos tanto de mudanças. Qualquer releitura parece que é dobradamente criticada pelo simples fato de ter, por sua natureza, a necessidade de superar a primeira versão. Vejamos Batman Begins (ZzZZZZZzzzz)! Toda a história foi contada novamente e bastante criticada. Então, o Christopher Nolan calou a boca de todo mundo com o Cavaleiro das Trevas. Eu acho que as pessoas deveriam está mais abertas as releituras, elas são importantes. Porque mostram a grande parte do público, coisas que foram mostradas da primeira vez.
Embarcando de novo no nosso ESPETACULAR *mesmo* HOMEM-ARANHA!
A história roda em torno de Peter Parker (Andrew Garfield), um jovem nerd que é mordido por uma aranha radioativa. Até aqui, não temos novidade para ninguém. Mas diferente da versão passada, nessa história conta como Peter vai parar na casa dos tios. É aqui que o filme começa. Um garotinho brincando de pique-esconde com o pai, até que uma movimenta estranha na rua chama a atenção do adulto e ele pede para a mulher arrumar as coisas porque irão partir imediatamente. Richard Parker leva o filho pequeno para passar um tempo na casa dos tios, Ben e May, e nunca mais voltam. A partir daqui, o filme fica muito parecido com o de 2002. Só que a mocinha que conhecemos como Mary Jane não aparece. Quem toma seu lugar é Gwen Stacy (Emma Stone), filha do delegado de Nova York, que aparece no Homem-Aranha 3, lem bram?.  Todas aquelas cenas do tio Ben morrendo, a briga no corredor com o valentão da escola, tem nesse filme também. Só que, para mim, Andrew está bem melhor no papel que o Toby Maguire. Em pouco tempo de filme, Parker descobre que seu pai escondia um segredo sobre combinação de espécies para cura de doenças. Indo atrás disso, Peter vai parar na Oscorp, mais precisamente no Dr. Curt Connors (Rhys Ifans), um velho amigo do seu pai. Ao tentar encontra Curt na empresa, o jovem reconhece o símbolo que estava na pasta do seu pai em um das portas secretas da empresa,  ele entra e acaba sendo mordida por uma aranha geneticamente modificada. Parker vê seus sentidos extremamente aguçados e não se acostuma tão fácil assim com isso, o que nos leva a boas risadas no cinema, como a cena do metrô.
Ao pesquisar ainda mais na pasta que achou do pai, Peter acaba elaborando uma formula que completa o quebra-cabeça para que a junção de espécies dê certo. Ele a leva para o Dr. Connors, que modifica seu rato de três pernas. Em dias, o ratinho cresce mais uma perna (o/). Pouco tempo depois, o Dr., com o desejo de regenerar um braço perdido, injeta nele mesmo soro “milagroso”. Só que algum saí errado, se seu alter-ego toma lugar e ele acaba se transformando *literalmente* no Lagarto.
Agora, o Homen-Aranha precisa deter o Lagarto, antes que ele acabe transformando toda Nova York  em seus semelhantes.
O filme não perde o fôlego em momento nenhum. Todas as partes são bem amarradas, e apesar do final ser bastante clichê, ele deixa o espectador satisfeito. O diretor Marc Webb (500 dias com ela) acertou em pegar um projeto que não fosse um Homem-Aranha 4, mas sim um novo, dando mais a sua cara na história *vide as cenas HIPER fofas entre Emma e Andrew <3*.
O Espetacular Homem-Aranha é segue a liga da HQ “Ultimate Spider-Man” e não erra ao fazer certas alterações na história original. O longa é tão...ESPETACULAR, que já  bateu seu primeiro recorde: foi o filme mais assistido da história em uma terça-feira , arrecadando US$ 7,5 milhões em sua primeira madruga de exibição no hemisfério norte.
Para mim, foi a melhor adaptação da Marvel para o cinema. 

Nota: 10
Título Original: The Amazing Spider-Man
Direção: Marc Webb
RoteiroJames Vanderbilt, Alvin Sargent e Steve Kloves
Elenco: Andrew GarfieldEmma StoneRhys Ifans...



14 comentários:

Iza disse... Responder comentário

Quero muito assistir esse filme. Dizem que é ótimo. Ai e ainda tem Emma Stone no elenco; adoro ela! Beijos <3

vintageiz.blogspot.com

Diego disse... Responder comentário

Só me deu mais vontade de assistir! Belissima resenha Manuh *-*

:*

Party Fucking disse... Responder comentário

Olá lindaa !
Vim fazer uma visitinhaa e avisar do sorteio que está tendo no meu blog ,, dá uma passadinha por lá e participa . O premio é muito legal e você vai adorar !
Bgs bgs ,, Katharine Santos ;*

http://party-fucking.blogspot.com.br

Jane Machado disse... Responder comentário

Adorei a resenha e tô super com vontade de assistir,gosto da série e com certeza devo gostar desse também!Não sou contra releituras,eu apoio essas mudanças,é como se elas acompanhassem a nossa evolução...

Waleuuu pela descrição maravilhosa do filme,vou assistir sim...deu água na boca!
http://ondeacinderelaperdeuoscarpin.blogspot.com.br

Karine Marinho disse... Responder comentário

Já tinham me dito que esse Homem Aranha superava facilmente todos os outros, mas mesmo assim não tava com vontade de assisti-lo. Mas depois da sua critica estou com vontade de correr para o cinema! *--*
Beijos,K.
Girl Spoiled

Paloma Viricio:: Jornalismo na Alma:: disse... Responder comentário

Estou ouvindo bastante pessoas falando sobre esse filme, mas confesso que não é muito a minha praia,não. Seu layout está muito lindo.^^
Beijocas!
http://palomaviricio.blogspot.com.br

La Petite disse... Responder comentário

Oie!

Eu acompanhei os outros filmes do Homem-aranha e gostei, achava a parceria entre Tobey e Kirsten muito boa, os dois eram fofos juntos, hahaha. Quanto a este novo, confesso que fiquei com um pé atrás, mais porque já estava acostumada com o Tobey do que outra coisa.

Apesar de não gostar muito de filmes de super-heróis, estou com vontade de assistir a este. O trailer dá um gostinho de quero mais. Ontem eu quase assisti ao filme, mas não tinha mais ingressos :( Vou outro dia se tiver outra oportunidade.

Gostei do seu texto, me deixou ainda mais entusiasmada para assistir ao filme!

Bjins

www.dicasoutravessuras.blogspot.com

Angélica disse... Responder comentário

boa dica, adorei :)
beijos

www.tracasebaratas.blogspot.com

Lili disse... Responder comentário

'Esse filme é muito legal ,eu adoro!

#Nhaac --> http://day-princess.blogspot.com.br/

Luara Cardoso disse... Responder comentário
Este comentário foi removido pelo autor.
Luara Cardoso disse... Responder comentário

Deu nota 10? Olha, pra isso acontecer o filme tem que arrasar ein?!
Eu estou com as expectativas baixas porque eu não imagino o Homem-Aranha com outro ator. :/

Um beijo,
Luara - Estante Vertical

Larissa Beraldes disse... Responder comentário

Eu estou igual a Luara.... Meu Homem-Aranha será sempre O Toby!
Mas temos que estar abertos a novas possibilidades né? Pode ser que eu assista e ache o máximo, que nem você achou!

Adorei a crítica e o blog :)

beijocas

Cary disse... Responder comentário

Confesso que não li o post todo por medo de ter Spolier. Mas eu super concordo com você! Eu não gostei muito da ideia de já ter uma releitura tão cedo,mas já que fizeram vou tentar tirar da cabeça tudo que sei do herói que gosto tanto e tentar ver como se fosse a primeira vez :)

beijos!

Déborah-alana disse... Responder comentário

Querendo muito ver esse filme, foi bem elogiado, tava filas enormes no cinema, adorei a dica :* beijinhos Emanuella :)


deborah-alana.blogspot.com.br

Postar um comentário